quinta-feira, 13 de setembro de 2012

V SEMANA DO SURDO


De 24 a 29 de setembro de 2012- Osório- RS
 

Histórico
Motivados pelos movimentos internacionais Surdos, grupos brasileiros, a partir de 1990, passaram a reivindicar a garantia da comunicação e do acesso ao conhecimento, mediado pela língua de sinais (LIBRAS), como um dos direitos imprescindíveis ao reconhecimento de sua cidadania bilíngue. Isto é, para a comunidade Surda organizada politicamente, tornou-se uma bandeira de luta,  o respeito a sua situação linguística diferenciada, com o reconhecimento da língua de sinais como seu símbolo identitário e, somado a isso, o direito ao aprendizado escolar da língua oficial do país, como segunda língua.

Assim, a oficialização da língua de sinais, as discussões sobre educação bilíngue, a valorização de educadores surdos nas escolas e a presença de intérpretes em vários segmentos sociais foram marcos das conquistas dos Surdos brasileiros que, ainda hoje, continuam sua luta por direitos iguais.

 Justificativa
Há dez anos, aproximadamente, temos uma realidade de Classes Específicas de Surdos nas escolas da rede estadual de Osório. Concomitantemente ocorrem movimentos em prol do reconhecimento da história, cultura e identidade surda. Apesar de todo este tempo de lutas pelas bandeiras deste grupo minoritário, ainda há muito a se fazer, levando informações à comunidade ouvinte de nossa região, em especial, a nossa comunidade escolar.
 
Responsáveis
Professores: Gabriela Anflôr, João Souza, Mercedes Scalco, Vinicius Pimentel, Eliani T. da Silva e  Iosemar Bitencout.
Equipe diretiva e supervisão pedagógica.