A PROFESSORA MARGARETH PALACIOS ESTEVE PRESENTE, NO DIA 11 DE MARÇO, NA AULA INAUGURAL DA 19ª CRE EM SANT’ANA DO LIVRAMENTO COM A PRESENÇA DO SEC. EST. DE EDUC. PROFº JOSÉ CLÓVIS



A aula inaugural com a presença de pais, alunos, autoridades locais e todos os professores e trabalhadores da 19ª CRE iniciou com apresentações artísticas de alunos surdos e cegos inclusos nas classes regulares da rede estadual de Sant’Ana do Livramento. Os educadores entregaram, ao Secretario, documentos pedindo a realização de concurso público para professores de libras.
No seu pronunciamento Secretario Estadual de Educação tratou as seguintes questões:
- Revogação da portaria que não permitia a saída dos professores para seminários e palestras;
- Criação de turmas especiais para que professores estaduais cursem mestrado profissional;
- Mutirão para levantar todas as necessidades de estrutura física e recursos humanos das escolas estaduais;
- A substituição do SAERS por outro tipo de avaliação mais voltada para a realidade de cada escola;
- A importância da articulação das escolas com as instituições de saúde e assistência social;
- Programa: Um computador por aluno ( começando pelos municípios que fazem fronteira com o Uruguai);
- Retomada das promoções paradas desde 2002;
- Aumento salarial gradativo (já no 1º semestre de 2011);
- Realização de Concurso público para efetivação de um grande número de contratados e de professores novos;

Frases do secretario:
“A escola deve ser tratada como um ambiente de dignidade”
“Queremos cuidar dos nossos cuidadores (educadores)”
“O que nos mantém é a paixão, mas é impossível manter a paixão sem dignidade no trabalho”
“Deixemos de ter saudosismos da escola de privilégios (onde o aluno só vinha para aprender) para construir a escola universalizada e democrática ( onde o aluno é acolhido e protegido para depois ser ensinado)”
“Temos que buscar solucionar os problemas de aprendizagem sem esquecer os problemas de ensinagem”
“ Há cinco anos ouvi de um dirigente da Petrobrás que em dois anos faltariam engenheiros, já estamos importando estes profissionais. Digo o mesmo com relação aos professores, sobram vagas nas universidades para os cursos de licenciatura, em poucos anos faltaram profissionais e os que estiverem atuando bem preparados poderão exigir altos salários. Em pouco tempo seremos valorizados”

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Projeto: Construindo Novos Saberes Através do Mundo da Leitura

CONTRATO PEDAGÓGICO

Rematrícula, Inscrições e Matrículas